Você está em:

Escravização no Brasil: do descobrimento à atualidade

​No Colégio Santa Maria Minas – Unidade Pampulha, o estudo sobre os 130 anos da promulgação da Lei Áurea foi aprofundado com um debate entre os alunos do 2.º e 3.º Ano/EM, professores, coordenador de ensino e o ator e mestrando em educação na UFMG, Denilson Tourinho. Durante a atividade, que aconteceu no mês de agosto, foram abordados os aspectos históricos da escravidão, do Brasil colônia à atualidade.

A professora de Literatura e História da Arte, Patrícia Valle e o ator convidado, Denilson Tourinho, lembraram a importância da Arte em relatar e recontar o sofrimento sofrido pelas pessoas escravizadas, relatos muitas vezes negligenciados ou deturpados. O Coordenador de Ensino da Unidade, Antenor Junior, contou sua história de miscigenação, por meio da interpretação da música autoral "Filho da Mistura".

 

IMG-20180822-WA0023.jpgIMG-20180822-WA0022s.jpgIMG-20180822-WA0025.jpgIMG-20180822-WA0026.jpg