Você está em:

Dia Nacional de Combate ao Bullying e à Violência na Escola

​O Dia Nacional de Combate ao Bullying e à Violência na Escola, comemorado em sete de abril, alerta para importância da conscientização no ambiente escolar sobre os malefícios deste comportamento. A data foi escolhida em função do massacre de Realengo. Em sete de abril de 2011, Wellington Menezes de Oliveira, de 23 anos, entrou na Escola Municipal Tasso da Silveira, no bairro de Realengo, Rio de Janeiro, e disparou uma arma contra os estudantes. O ataque terminou com a morte de 12 alunos com idades entre 13 e 16 anos. O atirador acabou cometendo suicídio na própria escola.

O Colégio Santa Maria, reafirmando sua identidade de instituição de educação cristã e a fé nos ensinamentos de Jesus Cristo, está desenvolvendo em suas 12 Unidades o Projeto de Combate à Intimidação Sistemática (Bullying), que tem como objetivos: capacitar docentes e equipe pedagógica para a implementação das ações de discussão, prevenção, orientação e solução do problema; desenvolver campanhas educativas, informativas e de conscientização acerca do assédio sistemático (bullying); valorizar as individualidades dos alunos; realizar debates, reflexões e outras atividades a respeito do assunto, visando à convivência harmônica; estimular a amizade, a tolerância, o respeito às diferenças individuais, a solidariedade, a cooperação e o companheirismo no ambiente escolar; orientar pais e familiares sobre como proceder diante da prática de assédio sistemático (bullying); realizar atividades educativas e de conscientização utilizando recursos tecnológicos, inclusive; impedir atos de agressão, discriminação, humilhação e qualquer outro comportamento de intimidação, constrangimento ou violência; observar, analisar e identificar eventuais praticantes e vítimas de bullying no Colégio Santa Maria; e auxiliar vítimas e agressores.