Você está em:

Comitiva belga visita Colégio Santa Maria Minas

Na quarta-feira, 27 de outubro, o Colégio Santa Maria Minas – Unidade Floresta recebe o Embaixador da Bélgica no Brasil, Patrick Hermann, o Cônsul Geral da Bélgica no Rio de Janeiro, Daniel Dargent, e o Cônsul Honorário da Bélgica em Minas Gerais, Henrique Machado Rabelo, que participam de Missa em Ação de Graças, em comemoração ao centenário da visita do Rei, Alberto I da Bélgica, sua esposa e o príncipe herdeiro, ao Colégio Santa Maria.

A Celebração será presidida pelo arcebispo metropolitano de Belo Horizonte, dom Walmor Oliveira de Azevedo, presidente da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), às 19h30, na Capela Nossa Senhora do Líbano. Além da comitiva belga, participam a Direção-Geral do Colégio Santa Maria Minas (CSM Minas), diretores das Unidades Escolares e representantes da Sociedade Mineira de Cultura. Haverá ainda o descerramento de placa comemorativa.

Visita real

A Missa em Ação de Graças faz parte de uma série de eventos que a comitiva belga participa no Brasil, pelo centenário da visita real belga, marco nas relações diplomáticas entre os dois países, que, desde então, tornaram-se grandes parceiros comerciais. A convite do então presidente Epitácio Pessoa, os reis Belgas conheceram o Brasil em 1920, sendo a primeira visita de um chefe de Estado estrangeiro à República. Entre os meses de setembro e outubro, eles visitaram São Paulo, Rio de Janeiro e Minas Gerais.

Em Belo Horizonte, a comitiva real esteve no Colégio Santa Maria, primeira instituição de ensino particular da capital, onde foi realizada missa em homenagem à Rainha Consorte, Elisabeth da Bélgica. A visita à Minas Gerais resultou em parcerias políticas, sociais e econômicas, como a inauguração da siderúrgica Belgo-Mineira (atual ArcelorMittal), em 1921, na cidade de Nova Lima.